VITRUS apresenta os resultados do primeiro ano de PAYT
AS NOSSAS
NOTÍCIAS
VITRUS apresenta os resultados do primeiro ano de PAYT

VITRUS apresenta os resultados do primeiro ano de PAYT

Esta manhã, pelas 11h30, decorreu na sede da VITRUS AMBIENTE uma conferência de imprensa destinada à apresentação dos resultados do primeiro ano do projeto PAYT no Centro Histórico.

Na mesa estiveram presentes Domingos Bragança, Presidente da Câmara Municipal de Guimarães, Amadeu Portilha, Vice-presidente da Câmara Municipal de Guimarães e Presidente da VITRUS, Daniel Pinto, Administrador Executivo da VITRUS e Dalila Sepúlveda, mentora do projeto PAYT. Na plateia estiveram representados alguns órgãos da comunicação social, local, regional e nacional.

O objetivo do evento foi apresentar os resultados da implementação desta tarifa de recolha de resíduos no Centro Histórico. Estes foram largamente positivos, e tem como ponto principal, reduzir os resíduos indiferenciados e aumentar os seletivos.

Desta forma, conseguiu-se não só superar os objetivos iniciais do projeto como também as metas europeias. O resultado traduz-se na diminuição do indiferenciado em 34% e o aumento de 126% do reciclável. Já foram vendidos mais de 38 500 sacos e conseguiu-se que 75% dos utilizadores domésticos e 80% dos utilizadores não domésticos adquirissem os sacos autorizados com regularidade.

Foi referida também a intenção de continuar a fiscalizar a aplicação do projeto, focando mais na sensibilização e na educação ambiental. Para isso, a VITRUS tem apostado em diversas ações como rondas diárias que resultam num contacto muito próximo e personalizado com a comunidade, inquéritos, distribuição de newsletters e workshops. Os utilizadores cumpridores já foram distinguidos com certificados ou dísticos e com vales de desconto nos sacos autorizados. O conjunto de todas as ações resultaram num decréscimo de 48% de deposições ilegais entre os meses de fevereiro e março deste ano.

Durante a conferência, foi sublinhado o empenho, a dedicação e o profissionalismo com que todas as equipas trabalharam ao longo do ano para alcançar os resultados apresentados. Desde as equipas de recolha, à equipa técnica e ainda às equipas que colaboram com o projeto, como a Polícia Municipal, Amadeu Portilha deixou um agradecimento especial, que foi realçado pelos restantes elementos da mesa.

Concluiu-se a apresentação com a promessa de combater as falhas ou dificuldades do processo e também continuar a trabalhar cada vez mais e melhor para tornar Guimarães cada vez mais verde.

Partilhar Post:

0 Comentários

Deixe um Comentário

Posts relacionados: